quarta-feira, abril 12, 2006



Série 24: Os Posts IX.

QUARTA-FEIRA, JANEIRO 12, 2005



Lugares que são na minha memória, Os lugares de despedida:

Coimbra B: se houve algum lugar onde disse mesmo adeus, demasiadas vezes, foi aqui. Ainda hoje passo e é demasiada a avalanche de memórias.

Aeroporto FSC-Porto
: perde com Coimbra B por menor número mas as daqui foram míticas. Como é que se despede para se ir viver para outro país? Ou para dar uma volta ao Mundo? Eu não aprendi ainda…

Aeroport del Prat-Barcelona
: como é que se despede de casa quando se vai para casa.? E o Sol de Primavera a nascer na pista, a caminho do extinto vôo das 7.45 da Tap.

E outros, o Aeroporto de Ezeiza em Buenos Aires, o de Vigo ou a portagem de Martorell a sair de Barcelona. Mas estes três de cima, são inegociáveis com a alma.

3 Comments:

Blogger M em Campanhã said...

tinha de ser na linha. aquela voz roufenha ao altifalante "vai dar entrada na linha nº 2... " também te faz ainda um risco na alma?

6:38 da tarde  
Blogger Nuno said...

Um risco… até acordei na última ida a Lx.

6:40 da tarde  
Blogger D em Coimbra B said...

Tenho um estranho privilégio de ser o "Chefe-de-estação" de Coimbra B. Na nossa linha do norte, carago!

8:22 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home